Ultimas

Post Top Ads


30 de março de 2020

Coronavírus: Polícia fecha estabelecimento com mais de 40 pessoas no sítio Cachoeira em Caraúbas, RN

Coronavírus: Polícia fecha estabelecimento com mais de 40 pessoas no sítio Cachoeira em Caraúbas, RN



A Polícia Militar, através do Grupo Tático Operacional (GTO) e Rádio Patrulha (RP), fechou um local na noite desta segunda-feira (30), no Centro da comunidade de Cachoeira, zona rural de Caraúbas, no Oeste do Rio Grande do Norte, onde estava acontecendo um evento comemorativo com aproximadamente 50 pessoas. O fechamento do local foi devido ao descumprimento do decreto estadual que determina a abertura apenas de serviços considerados essenciais durante a quarentena do novo coronavírus no Estado. 

Segundo relatório policial, após receber denúncia, os militares foram até o local, em uma residência que fica ao lado da Escola Municipal Francisco de Paula Pessoa Filho, e constataram que havia aglomeração de pessoas no interior do estabelecimento da pessoa identificada apenas como Didi.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, no local tinha mais 40 pessoas entre homem e mulher, inclusive, crianças. No estabelecimento tinham vários veículos. Todos foram averiguados e não foi encontrado nada de ilícito, bem como, todas as pessoas foram revistadas. 

Após averiguação, a polícia conversou com o proprietário e pediu para ele dispensar as pessoas, oportunidade, em que informou a Didi que durante esse período de quarentena não realizasse mais nenhuma movimentação no local. Ele de imediato atendeu à solicitação da polícia e dispensou todos e se comprometeu para não realizar nenhuma movimentação no local. 

Proprietários de estabelecimentos que não acatarem as determinações previstas, poderão ser penalizadas de acordo com o artigo 268 do Código Penal, que diz: "Infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa, sob a pena de detenção, de um mês a um ano, e multa".

Nenhum comentário:

Seguidores